[Dados Pessoais] Para prever movimentação do coronavírus, TIM e Prefeitura do Rio fecham parceria para coleta de dados de deslocamento de pessoas

Via Semanário InternetLab.

No dia 23.03.2020, Prefeitura do Rio de Janeiro e a TIM fecharam parceria para a construção de uma base de dados para analisar os deslocamentos pela cidade, a fim de rastrear as concentrações populacionais e os movimentos das pessoas nas áreas afetadas pela pandemia do coronavírus. De acordo com Leonardo Capdeville, CTIO da TIM Brasil, “a parceria tem como maior objetivo munir a Prefeitura do Rio com dados em tempo real que podem impactar ativamente a estratégia de contenção do vírus. São informações massivas acessíveis a todas as operadoras que preservam o anonimato dos clientes, mas que se tornam valiosas num momento em que entender o movimento da população significa prever a movimentação da COVID-19”. Conforme estratégia da empresa, os dados dos clientes serão usados para traçar mapas de calor, cruzando informações de focos da doença e pontos de alta concentração demográfica. Em comunicado à imprensa, a TIM assegura que todas as informações coletadas serão anônimas, respeitando a previsão legal acerca da confidencialidade e segurança dos dados pessoais. Em 2016, durante as Olimpíadas do Rio, a TIM havia efetuada uma ação semelhante em parceria com a Prefeitura carioca para auxiliar nas medidas de segurança e transporte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *