Proteção de dados e humanidades digitais no Brasil: caixas-pretas

É crescente a efervescência do tema de privacidade e proteção de dados pelo mundo, contemplando desde a preservação do direito à personalidade até a preservação dos princípios democráticos como tradicionalmente conhecemos. Trabalhos vem sendo desenvolvidos buscando conformidade com as legislações e normativas relacionadas com este tema, não observando um lado epistemológico socio técnico de humanidades digitais. Neste trabalho exponho caixas-pretas que as comunicações deixam perceber, e que podem servir como norte para pesquisas interdisciplinares posteriores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *